Topo com as obras de arte de Francisco Panacho
           Área do Cliente:   Email Senha Ver Cesta de compras Minhas compras : R$ 0,00  
 
  Poesias >> Quando não mais Precisar

QUANDO NÃO MAIS PRECISAR


Como é difícil ser feliz...,
Mas não de um maneira simples e delicada...
Porque de todas as maneiras...,
As melhores, são as mais complicadas,
Que nos fazem sofrer tanto, que no fim ,
A sensação de se querer ser feliz,
É tão grande, que qualquer sorriso,
Ou um olhar com jeito diferente...,
É sem dúvida ,um oásis,
Num deserto de emoções...

Como é difícil ser feliz...
Porque se fosse fácil,
Não teria valor...
E quem o fosse,...não o saberia...

Não..., não é tão fácil quanto parece...,
Pois ser feliz de verdade,
Exige um grande esforço,
Que poucos compreendem...
A maioria apenas confunde
Um momento feliz com felicidade...,

Porque ser realmente feliz,
É algo especial...,igual a voar
Num sonho suave...,sem ter onde ir na verdade,
Só voar...,sem sentir ou saber porque....

Ser feliz é não precisar...,
Ver os outros sorrirem, para sorrir....
É não ter que olhar à volta,
Sentado ao balcão de um bar,
E ninguém se importar com isso,
Ou ninguém notar....

Por ser tão difícil ser feliz assim,
Como é possivel haver tanta luz e dor...,
Tanta tristeza e cor....,
Tanto olhar e deserto...,
Num só coração...
Num único desejo
De buscar calar no peito,
Esse grito tão certo,
Tão desafinado...,desarmado,
Que nem sabe direito
Que se pode ser amado...

Só sinto que prá ser feliz,
É preciso jeito...
Desses que quem sabe um dia,
Eu venha a ter direito....
Quem sabe um dia ,eu nem precise pedir....,
E lá estará ela...,
Finalmente a certeza de se poder ser...,
Quando não mais precisar querer...

Francisco Panachão 09/04/98